1 de out de 2013

Emoções e sentimentos, partes da dinâmica inconsciente


     Muita gente pensa que emoção e sentimento são a mesma coisa, mas não são. 
 

As emoções são respostas orgânicas complexas, fruto da evolução da espécie humana, que nos permitem responder melhor a cada situação vivida, aumentando nossa capacidade de adaptação e até mesmo nos ajudando a tomar decisões lógicas mais adequadas.
Já os sentimentos são avaliações racionais, muitas vezes inconscientes, sobre qual valor afetivo um específico dado da realidade tem para nós: assusta ou acalma? alegra ou entristece? atrai ou repele? é bonito ou feio? acolhe ou ameaça?
E o que isto tem a ver com Astrologia Arquetípica?
Uma análise de Carta natal astrológica nos ajuda a compreender o panorama sentimental que vigora no inconsciente, e como ele interfere no comportamento consciente, com múltiplos desdobramentos sobre o dia-a-dia da pessoa.
Os símbolos astrológicos apontam as dinâmicas inconscientes ocorridas na primeira infância, as quais implantaram “memórias afetivas”, ou sentimentos inconscientes, as quais, por sua vez, impelem a pessoa para específicos tipos de eventos objetivos, sempre aqueles que produzirão sentimentos análogos aos que estão vigentes no inconsciente.
Por isso a pessoa tende a reproduzir análogas situações de vida, até mesmo as infelicitadoras, enquanto não houver ampliação do autoconhecimento e a dissolução destes cenários internos “congelados”, pela revivescência e superação dos sentimentos originários que ainda estão na memória.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate